Articles by Augusto Sarmento


A beleza do sensível: uma viagem pela delicadeza do cinema

O cinema, para muitos, é sinônimo de lucro. Pela indústria cinematográfica que se auto-alimenta de lucros em cima de receitas, o espaço para a criatividade e inovação se torna rara, pois o que é novo é também desconhecido. Ao invés disso se prefere algo que seja previsível e confortante na vida da maioria dos espectadores […]


Cidade Cinza

O paulistano é um cliente. Sempre antecipa o tempo para ir de um lugar a outro, ocupadíssimo, mal-humorado que só ele. É consumido por ignorância no momento em que defende as rodovias e os direitos dos carros, que cada vez mais entopem de tédio a megalópole latina. O paulistano é rico, e odeia quem não […]


Blue Jasmine

A perspectiva cinematográfica de Woody Allen se tornou muito clara ao longo dos anos: basta reparar na tradicional fonte de cor branca, no fundo preto, dos créditos iniciais, finalizados sempre com um “written and directed by…Woody Allen”. Começa o filme e há aquela mesma velha e nova cidade que mora dentro da câmera de Allen, […]